Comerciário morre ao reagir a assalto em SP

O gerente Luiz Francisco Imperiano, de 54 anos, foi morto a tiros ao reagir a um assalto, na madrugada desta segunda-feira, em Campos do Jordão, interior do Estado de São Paulo. A vítima gerenciava o estacionamento Center Park, localizado ao lado do shopping Market Center, na praça do Capivari.Por volta de uma hora da madrugada, ele e o funcionário Francisco Martins Neto, de 40 anos, fecharam o estacionamento e, ao chegarem à casa onde estavam hospedados, foram abordados por dois homens. Segundo a polícia, as vitimas foram seguidas pelos ladrões até a casa, no Jardim Embaixador.Na abordagem, o gerente tentou impedir que os ladrões levassem o malote com o dinheiro e foi assassinado com dois tiros no peito. Os assaltantes também atiraram no outro funcionário, que conseguiu escapar sem nenhum ferimento.Na fuga, os ladrões levaram o malote, com cerca de 17 mil reais, e o carro do gerente, um Fiat Pálio. Cerca de seis horas depois, o veículo foi localizado no mesmo bairro onde aconteceu o crime.O corpo do gerente foi levado para o Rio de Janeiro, onde será enterrado. De acordo com o delegado responsável pelo caso, Jorge Luis Esteves, o depoimento do outro funcionário deve acontecer nesta terça-feira, já que até este domingo ele estava internado, em estado de choque. ?Com seu depoimento, vamos ter as características dos acusados e mais pistas para continuar as investigações.?A polícia percorreu os bairros durante toda esta segunda-feira, na tentativa de encontrar os autores do crime. O delegado enfatizou que esta prática, de guardar o dinheiro do final de semana em casa, deve ser evitada pelos comerciantes de Campos do Jordão. ?Os depósitos no banco devem ser diários, e, nos finais de semana, a pessoa não deve levar o dinheiro para a casa, já que isso atrai os bandidos?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.