Comida estragada causa intoxicação em 94 no Rio

Noventa e quatro pessoas, entre alunos e professores do Centro de Atenção Integral Paulo Dacorso Filho, tiveram intoxicação alimentar, na segunda-feira, após almoçarem na instituição, localizada no campus da Universidade Federal Rural do Rio, em Seropédica. Nesta terça-feira, seis alunos ainda estavam internados, dois em estado grave.Técnicos da universidade e da Vigilância Sanitária recolheram amostras da comida para análise laboratorial. O resultado ficará pronto em uma semana. Em depoimento à polícia, que abriu inquérito para investigar o caso, funcionários informaram que o arroz servido na segunda havia sido preparado no sábado. Há suspeita de que o arroz, mesmo na geladeira, tenha estragado. O centro é administrado conjuntamente pela Secretaria estadual de Educação e pela universidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.