Comitê de Lula diz que Alckmin gastou com passagens e aluguéis o preço do Aerolula

O comitê de campanha do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva divulgou nesta terça-feira nota informando que o candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, gastou "R$ 130 milhões com passagens aéreas e aluguel de veículos e aeronaves entre 2001 e 2005, quando governou o Estado de São Paulo". Esse valor, conforme a nota do comitê, equivale ao preço do chamado "Aerolula", o avião Airbus Corporate comprado pela Presidência da República.O boletim de campanha de Lula contesta também a informação de Alckmin de que teria vendido os aviões do Estado. Conforme o comitê, as vendas não constam da relação de bens alienados da assembléia legislativa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.