Condutora morre ao ser atropelada por metrô quando trocava de cabine, no Rio

Acidente, cujas causas estão sendo apuradas, aconteceu na quinta-feira mas foi divulgado nesta sexta, 3

Thaise Constâncio, O Estado de S. Paulo

04 de abril de 2014 | 16h05

RIO - A condutora Elisangela Gomes Lima, de 37 anos, morreu ao ser atropelada por uma composição que chegava à estação Cidade Nova quando trocava de cabine em um trem estacionado na área de manobra. O acidente aconteceu nessa quinta-feira, 3, mas só foi informado nesta sexta-feira, 4, pela concessionária MetrôRio, por meio de nota.

Segundo a concessionária, as causas do incidente ainda estão sendo apuradas e a família está recebendo assistência da empresa.

A estação Cidade Nova fica no início da Avenida Presidente Vargas, uma das mais movimentadas da cidade. Inaugurada em novembro de 2010, a 35.ª estação de metrô custou R$ 80 milhões.

Tudo o que sabemos sobre:
cobradoracidade novariocabine

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.