Confirmadas 32 mortes em acidente na Raposo Tavares

Ao contrário do que havia sido divulgado inicialmente, 32 pessoas morreram no acidente entre dois ônibus da empresa Andorinha, no quilômetro 538 da Rodovia Raposo Tavares. As primeiras informações eram de que 33 pessoas haviam morrido. Os corpos das vítimas ainda não foram liberados, mas a maioria já foi identificada.Vinte e três pessoas ficaram feridas, sendo que uma delas está em estado grave, e foram encaminhadas para o Hospital Universitário e a Santa Casa, em Presidente Prudente, e para a Santa Casa de Regente Feijó. Jorge Santos/Oeste NotíciasÔnibus ficou destruídoOs hospitais pediram reforço nas doações de sangue, devido à gravidade do acidente.Ainda não se sabe a causa do acidente, mas como os veículos vinham em sentido contrário, é provável que um tenha invadido a pista do outro. No momento do acidente, que não deixou marcas de frenagem na pista, não chovia e a visibilidade era boa. O motivo da colisão só poderá ser concluído dada a realização da perícia no local.Um dos ônibus ia de Bauru para Presidente Prudente, e levava 42 passageiros, além de dois motoristas. O outro havia saído de Colorado, no Paraná, com destino a São Paulo, e, por ser um carro extra, levava apenas 10 passageiros, além do motorista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.