Confronto entre estudantes e PM deixou 15 feridos em SP

Quinze feridos e cerca de 60 detidos é saldo final do confronto entre estudantes da Pontifícia Unidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e Policiais Militares, depois de um protesto na noite de ontem contra o programa Universidade Para Todos e o aumento das mensalidades escolares, na avenida Sumaré, esquina com rua João Ramalho, na zona oeste.Entre os detidos, cinco foram acusados de desacato, lesões corporais e danos materiais. Segundo a polícia, cinco policiais também sofreram ferimentos.

Agencia Estado,

12 de novembro de 2004 | 10h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.