Congestionamento piora em São Paulo, mas túnel é liberado

O congestionamento piorou bastante em São Paulo na manhã desta segunda-feira, 18. A lentidão que era de 102 quilômetros às 8 horas chegou a 132 km às 9, de acordo com a medição realizada pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Esse número não é recorde para o período da manhã, mas está muito acima da média para o horário, que é de 87 quilômetros. O pior trecho enfrentado pelos motoristas continua sendo a Marginal do Pinheiros. Para se ter uma idéia, no sentido Santo Amaro/Jaguaré, os motoristas encontram 12,5 quilômetros de lentidão desde a Ponte do Socorro até a Ponte Eusébio Matoso. No sentido inverso, a situação também é ruim, com 6,1 quilômetros de morosidade entre a Rodovia Castello Branco e a Ponte Eusébio Matoso.Túnel liberadoPor volta das 9 horas, a pista Santana/Aeroporto de Congonhas do Túnel Anhangabaú foi totalmente liberada ao trânsito, depois de funcionar apenas com a faixa da esquerda em razão de alagamento. Apesar disso, o tráfego no corredor norte-sul continua com congestionamento. Às 9 horas, segundo a CET, havia 3,2 quilômetros de lentidão da Praça Campo de Bagatelle, em Santana, até o início do túnel, no centro da capital paulista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.