Congestionamento sobe para 193 km em SP, o maior do ano

O congestionamento pelas principais ruas e avenidas de São Paulo subiu para 193 quilômetros nesta sexta-feira, o maior índice do ano no período da noite. De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a lentidão é causada pela chuva, que deixa as pistas escorregadias, e pelo excesso de veículos. O recorde anterior em 2004 ocorreu no dia 19 de maio, com 181 km, por causa do trânsito na proximidades do Estádio do Morumbi, na zona sul da cidade, onde aconteceu o jogo entre o São Paulo e o Deportivo Táchira, pela Taça Libertadores, além do excesso de veículos no horário de pico. Às 18h30 desta sexta-feira, a lentidão chegou a 174 quilômetros. De acordo com a CET, no dia 28 de junho de 1996 foi registrado o recorde histórico de congestionamento, com 242 km de vias com problemas. O motivo foi a chuva e o início das férias escolares. O paulistano enfrenta problemas principalmente em trechos das marginais do Tietê e do Pinheiros, nos dois sentidos. Hálentidão também no corredor norte-sul, formado pela avenidas 23 de Maio, Rubem Berta e Moreira Guimarães, e avenidasRebouças, Paulist a, Radial Leste e Francisco Matarazzo e Elevado Costa e Silva. Nas últimas horas, não ocorreram acidentes graves que atrapalhassem o trânsito. De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura, uma chuva fraca com pontosmoderados atinge toda capital paulista. Há apenas um alagamento transitável na Avenida Rangel Pestana, no Brás, região central, no sentido cent ro-bairro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.