Conselhos reforçam renda de 16 dos 22 secretários

Prefeitura gasta, por ano, ao menos R$ 6 milhões com ''jetons'' - gratificações por atuação nas entidades

Bruno Tavares e Rodrigo Brancatelli, O Estadao de S.Paulo

18 de junho de 2009 | 00h00

Além dos salários que aparecem normalmente nos holerites dos servidores públicos, a Prefeitura paga por ano pelo menos R$ 6 milhões em "jetons" aos integrantes dos conselhos de administração e fiscal das empresas municipais. Esses pagamentos são uma espécie de gratificação pela participação nas reuniões que acontecem apenas uma vez por mês - e que não duram mais do que duas ou três horas. Esses jetons acabam servindo também para aumentar o salário dos secretários municipais - de acordo com levantamento, 16 dos 22 secretários participam de comissões de administração e somam uma bonificação mensal de R$ 6 mil aos seus vencimentos.A Prefeitura tem seis empresas municipais, de economia mista, em que atua como sócia majoritária, incluindo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a São Paulo Turismo (SPTuris), a Empresa de Processamento de Dados do Município (Prodam), a Empresa Municipal de Urbanização (Emurb), São Paulo Transporte S/A (SPTrans) e a Companhia de Habitação (Cohab). Uma vaga no conselho de administração delas garante um jetom de R$ 6 mil, acima dos salários dos secretários, de R$ 5,3 mil.Nove secretários chegam a participar de duas comissões cada um e, por isso, recebem dois jetons, no valor total de R$ 12 mil. Outros sete secretários participam de uma comissão (veja acima). De todos os citados, os secretários dos Transportes e presidente da CET, Alexandre de Moraes, é o único que afirmou publicamente dispensar o recebimento dos jetons - assim, seu salário mensal é de R$ 19.500 como presidente da CET, na qual o teto salarial é maior do que nas secretarias.Aliados do prefeito não escondem que o jetons servem para "compensar" os salários dos secretários - que, segundo palavras do próprio Kassab, são "baixos". Além dessas comissões, a Prefeitura ainda paga jetons a pelo menos 54 membros dos conselhos fiscais das seis empresas, no valor de R$ 4 mil cada um. Entre todos esses conselheiros administrativos e fiscais, há também a presença de assessores de imprensa da Prefeitura e de antigos amigos de Gilberto Kassab na época da Poli-USP - como Marcelo Schmidt Rehder, que atualmente é secretário adjunto da Comunicação.JETOM ATÉ PARA RECIFENSEO site da Prefeitura (deolhonascontas.prefeitura.sp.gov.br) criado para divulgar os salários dos servidores municipais não informa quanto a gestão do prefeito Gilberto Kassab (DEM) paga de jetons aos conselheiros das empresas municipais. A administração diz que aguarda o fechamento dos dados de junho para fazê-lo.Ainda assim, no demonstrativo da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), há anotado o pagamento mensal de R$ 49.655 em jetons ao conselho administrativo e mais R$ 13.773 de jetons ao conselho fiscal. Já nos demonstrativos da Emurb, há discriminado o pagamento de R$ 6 mil em jetons aos secretários Marcelo Cardinale Branco, Elton Santa Fé Zacarias, Edsom Ortega Marques, Eduardo Jorge e Miguel Bucalem; aos arquitetos Candido Malta Campos Filho e Regina Meyer; e ao advogado Roberto João Pereira Freire, presidente nacional do PPS, primeiro-suplente do senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) e morador do Recife. COLABOROU VITOR SORANOADMINISTRAÇÃO DIRETA E INDIRETADOIS JETONS, R$ 12 MILAntônio Carlos Malufe (Relações Governamentais): conselho de Prodam e SPTransEduardo Jorge (Verde e Meio Ambiente): Emurb e CETElton Santa Fé (Habitação): Cohab e EmurbClóvis de Barros Carvalho (de Governo): SPTuris e CETManuelito Magalhães Jr. (Planejamento): Prodam e CETAlexandre de Moraes (Transportes): CET e SPTransAlexandre Schneider (Educação): Cohab e ProdamMiguel Bucalem (Desenvolvimento Urbano): Emurb e SPTransWalter Morais (Finanças): Prodam e CohabUM JETOM, DE R$ 6 MILMarcus Sinval (Comunicação): conselheiro da CETRodrigo Garcia (Gestão): ProdamCarlos Augusto Calil (Cultura): SPTurisJosé Gregori (Mídia e Direitos Humanos): SPTurisEdsom Ortega (Segurança Urbana): EmurbMarcelo Branco (Infraestrutura Urbana): EmurbJanuário Montone (Saúde): SPTrans

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.