Construção de galerias deverá conter cheias no centro de SP

A Prefeitura de São Paulo anunciou que irá reforçar a infra-estrutura que canaliza a água dos rios subterrâneos que correm do espigão da Avenida Paulista em direção à baixada do Vale do Anhangabaú, no centro da cidade. Serão duas novas galerias pluviais que irão captar as águas do Córrego Moringuinho, situado na Avenida 23 de Maio, altura do Viaduto do Jaceguai.A primeira nova galeria a ser construída, na altura do Viaduto do Jaceguai, ficará 5 metros acima da anterior e terá 150 m de comprimento, 2 m de altura e 2 m de largura. A segunda, que visa reforçar a já existente na Rua dos Estudantes, terá 250 m de comprimento até o Tamanduateí, com 2,5 m de largura por 2,5 m de altura. A construção das galerias virá acompanhada da instalação de seis bocas-de-lobo, para a drenagem da 23 de Maio: quatro bocas-de-lobo triplas na altura do Viaduto Jaceguai, com 5 m de comprimento no total, e três triplas na Rua da Assembléia, com 3,5 m de comprimento. As obras terão investimentos de R$ 4 milhões e vão retirar de 10% a 12% do volume de água do Vale.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.