Construtora garante indenização às famílias atingidas

O Consórcio Via Amarela, responsável pela obra na Linha 4 do Metrô, divulgou uma nota na noite deste domingo manifestando o total apoio às famílias das vítimas decorrentes do acidente no canteiro de obras da Estação Pinheiros, da Linha 4 do Metrô, que ruiu às 14h45 de sexta-feira, abrindo uma cratera de 80 metros de diâmetro, que engoliu carros e caminhões. O Consórcio também assegurou o ressarcimento integral de todas as despesas, decorrentes do acidente, às famílias retiradas de sua casas, nas áreas de risco.Leia a íntegra da nota: "O Consórcio Via Amarela comunica que vem trabalhando ininterruptamente em conjunto com o Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Metrô no sentindo de localizar as vítimas entre os escombros do acidente que destruiu parcialmente o canteiro de obras da Estação Pinheiros, da Linha 4 do Metrô.O Consórcio Via Amarela comunica que vem amparando sem medir esforços as famílias das vítimas. Assistentes sociais estão a disposição dos familiares para auxiliar em todas as providências necessárias. O Consórcio Via Amarela assegura ainda o ressarcimento integral de todas as despesas, decorrentes do acidente, às famílias retiradas de sua casas, nas áreas de risco, em torno do canteiro de obras sinistrados. Essas famílias foram amparadas e levadas para hotéis da região na sexta-feira, 12, logo após o acidente. Todas as famílias deverão permanecer hospedadas por conta do Consórcio Via Amarela durante o período que durar a interdição de seus imóveis. Às famílias que tiveram suas casas danificadas pelo sinistro, o Consórcio assegura o ressarcimento integral dos imóveis e seus pertences. O Consórcio reafirma total solidariedade com o sofrimento das famílias das vítimas e reitera seu compromisso de atendimento a todas as famílias atingidas."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.