Contrabando de R$ 10 milhões é apreendido em Santos

Cerca de 200 mil relógios, milhares de pares de tênis, óculos de sol e câmeras digitais foram apreendidos nesta quinta-feira pela Policia Federal, em conjunto com a Delegacia da Receita Federal, no porto de Santos. As mercadorias foram descobertas dentro de um contêiner. A carga, avaliada em R$ 10 milhões, pertence Júlio Lao, irmão de Lao Kin Chong, considerado o maior contrabandista do País.A apreensão é resultado de um trabalho de 2 meses de investigações. Havia confirmação de que Júlio utilizava os portos de Sepetiba e Vitória para importar produtos piratas. Mas agora, com a apreensão de ontem, ficou provado que Santos é a principal porta de entrada de cargas importadas por Júlio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.