Coral, lendas e até maria-fumaça à espera do Natal em São Paulo

Bancos, igrejas e museu preparam eventos gratuitos na Avenida Paulista e no centro

Valéria França, O Estadao de S.Paulo

22 de novembro de 2008 | 00h00

Uma maria-fumaça deu, ontem, a largada para a temporada de atrações natalinas da Avenida Paulista, na região central de São Paulo. O trem foi instalado bem na frente da fachada do Banco Bradesco, que este ano reproduziu ali a Estação da Luz da década de 50. O espaço ganhou vida às 13 horas, quando 14 bailarinos e dez figurantes, vestidos como elegantes passageiros da época, misturaram-se à cena - que contou com uma árvore de Natal de mais de 20 metros de altura. Houve ainda a apresentação de um coral com nostálgicas músicas natalinas inspiradas nos anos 50. O show vai repetir-se todos os dias, durante a semana, às 13 horas e às 19 horas, e sábado e domingo, apenas à noite.Vizinho do Bradesco, o Banco Real inaugura amanhã, às 16 horas, a tradicional exposição natalina que todos os anos provoca uma fila concorrida de visitantes. O tema da vez é diversidade cultural. "Queremos mostrar a celebração do Natal de todos os povos. Somos reconhecidos como um País acolhedor de diversas etnias", afirma Fernando Byington Egydio Martins, diretor de Gestão da Marca e Comunicação Corporativa da instituição. Na África, por exemplo, o Papai Noel vem da floresta, onde vive, e não do Pólo Norte. Ali, as crianças serão guiadas por duendes.O banco ainda promove uma programação especial, que começa às 15 horas, com contadores de histórias. Paralelamente, será organizada uma oficina de decoração natalina com material reciclado, que vai até as 19 horas. O show de Papais Noéis está marcado para as 18 horas. A programação acaba às 20 horas, quando as luzes da fachada se acendem.Já os enfeites da sede do Itaú Personnalité, que estão empacotados na frente do banco, só serão descobertos no próximo sábado. A decoração segue a linha dos anos anteriores, com bengalas coloridas, pinheiros e muitos Papais Noéis - na verdade, bonecos animatrônicos, com fala e movimento sincronizados. Estão previstas curtas apresentações (de cinco minutos) com os bonecos, todos os dias, das 18 horas às 21h40. CONCERTOSQuem gosta de música terá uma boa programação de concertos, a partir de 1º de dezembro. Até o dia 5, sempre às 12h30, eles ocorrem no Grande Auditório do Museu de Arte de São Paulo (Masp). Entre as atrações previstas, Madrigal São Paulo e Trio Cantos do Brasil. De 8 a 12 de dezembro, passam para a Catedral da Sé, no centro, às 13 horas, começando com Duo Cantare e encerrando com a Orquestra de Câmara Porto Seguro. De 15 a 19, o concertos voltam para a região da Paulista, agora para a Igreja Nossa Senhora da Conceição, na Avenida Brigadeiro Luís Antônio - as apresentações são gratuitas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.