Corpo de jovem arrastado por enxurrada no Rio é encontrado

O Corpo de Bombeiros encontrou nesta quinta-feira o corpo do estudante Luciano Silva dos Santos, de 16 anos. Morador de Cidade de Deus, ele desapareceu quando brincava de surfar nas ondas que se formaram numa rua durante o temporal que castigou o Rio de Janeiro na terça-feira. Ele foi arrastado pela correnteza forte. Em Honório Gurgel, continuam as buscas por Luiz Henrique Costa, de 19 anos, também desaparecido na chuva. As chuvas já causaram 16 mortes na cidades, desde Sexta-feira passada. No temporal de terça, outras três pessoas morreram, além de Luciano. A babá Valdenice Bezerra Tavares, de 25 anos, foi soterrada pela laje da casa onde morava. Ademar Silva, de 35 anos, morador da Freguesia, morreu afogado. Roberto de Azevedo Torres, de 62, foi soterrado em Bento Ribeiro. No temporal da semana passada, doze pessoas morreram, vítimas de afogamento, soterramento e eletrocução. Seis delas, no estacionamento subterrâneo do Penha Shopping, também na zona norte - que voltou a ser inundado com as últimas chuvas. Há seis dias, tem chovido no Rio todo fim de tarde e à noite. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) informou que a previsão de chuva se mantém. A Defesa Civil está em alerta até sexta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.