Corpo de preso é encontrado dentro de lixeira

Policiais da tropa e choque e agentes penitenciários encontraram hoje, durante a operação de vistoria na Casa de Detenção em São Paulo, o corpo do preso Luís José Rodrigues Filho, mais conhecido como "Chacrinha", enrolado em uma colchonete dentro de uma lixeira no pátio do Pavilhão 8. Segundo o deputado Vagner Lino (PT), integrante da Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa, Chacrinha foi encontrado com sinais de enforcamento provocados possivelmente por companheiros de cela. A operação foi suspensa por volta das 16 horas e foi realizada apenas no quarto andar dos pavilhões 8 e 9. De acordo com o deputado, o número de agentes penitenciários é insuficiente. "Eles estão muito cansados". A operação contou com efetivo de 350 homens da tropa de choque.A operação pente fino será retomada amanhã pela manhã, o horário não foi divulgado. Ainda segundo o deputado, as alas administrativas dos pavilhões 6, 8 e 9 foram totalmente destruídas na rebelião de domingo. Os presos foram recolhidos em suas celas. A revista não foi feita nos demais pavilhões. Durante a revista os policiais encontraram cerca de 50 estiletes e nenhuma arma de fogo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.