Corpos das vítimas são retirados do helicóptero que caiu em Goiás

Levantamentos da perícia técnica e os documentos da aeronave foram enviados para o Cenipa

Gheisa Lessa, estadão.com.br

09 Maio 2012 | 15h50

SÃO PAULO - Os helicópteros que vão fazer o transporte dos corpos das vítimas do acidente aéreo que matou oito pessoas ao cair na tarde da última terça-feira, 8, em Goiás, chegaram ao local por volta das 15h15 desta quarta-feira, 9. Conforme informações da Secretaria de Segurança Pública, o corpo do delegado de Iporá, Vinícius Batista da Silva, de 33 anos, foi resgatado nesta manhã.

Os outros sete corpos que foram retirados do local do acidente ainda não foram identificados. Eles foram encaminhados para o IML. Exames de DNA confirmarão as identidades das vítimas. Além de Vinícius, estavam no helicóptero os delegados Antônio Gonçalves Pereira dos Santos e Bruno Rosa Carneiro, Osvalmir Carrasco Melati Júnior, piloto da aeronave, Jorge Moreira da Silva, delegado Titular da Delegacia Estadual de Repressão a Roubos de Cargas e os peritos Marcel de Paula Oliveira e Fabiano de Paula Silva.

Os primeiros levantamentos da perícia técnica já foram efetuados e todos os documentos da aeronave foram enviados para o Centro de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), que irá investigar a causa do acidente. A SSP afirmou que o helicóptero estava com todas as revisões e manutenção em dia, sendo a última análise mecânica concluída na última segunda-feira, 7.

 

 

Mais conteúdo sobre:
helicópteroGoiásDoverlândia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.