Cratera na Fernão Dias põe em risco vida de motoristas

Motoristas que voltavam do interior paulista pela Rodovia Fernão Dias (BR-381) sofreram prejuízos no final da noite deste domingo. Uma cratera de 30cm de largura por 1,5m de comprimento, aberta na faixa central da pista sentido Belo Horizonte - São Paulo, na altura do km 84, já na região do Jaçanã, zona Norte da capital, danificou pelo menos 10 veículos em menos de uma hora.Uma viatura da Polícia Rodoviária Federal teve de ser deslocada para a região, por volta das 21h30, pois motoristas que entortaram rodas e danificaram as suspensões de seus veículos após passarem sobre a cratera ficaram parados na rodovia, justamente em um trecho ao lado de uma favela. "É muito buraco. Muita gente passa por aquele trecho a mais de 100km/h, o risco de um capotamento é muito grande", afirmou um usuário da rodovia que há sete dias viveu na pele o que pelo menos outros dez motoristas viveram no final da noite deste domingo.Policiais rodoviários, munidos de uma pá e terra, taparam o buraco como forma paliativa para oproblema e não sabem quanto vai durar o serviço. "Na semana passada, o Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transportes começou a tapar alguns buracos, mas não sabemos por que eles pararam", disse um dos policiais que auxiliaram os motoristas parados na rodovia após terem os veículos danificados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.