Creches de SP vão funcionar à noite

Pais de crianças que não tiverem com quem deixar suas crianças no período noturno poderão recorrer às creches do Município. Uma lei sancionada pela prefeita Marta Suplicy (PT) permite às creches municipais funcionarem durante à noite. Atualmente, todas são fechadas às 18h.A lei, de autoria do vereador João Antonio (PT), tem por objetivo atender pais que trabalham ou estudam à noite. Segundo o vereador, muitas pessoas têm dificuldade para exercerem alguma atividade à noite porque não tem quem cuide de seus filhos. "Muitas vezes a mãe ou o pai não trabalham à noite, mas estudam nesse período", citou o vereador. Pela medida, o horário de funcionamento das creches será facultativo e atenderá a demanda da região. "Se houver necessidade de que ela fique aberta à noite toda, isso será feito", explicou o vereador. A prefeita alterou o artigo que disciplinava os horários de funcionamento. Na redação original apresentada pelo parlamentar, todas as creches municipais deveriam funcionar a noite toda. O artigo foi vetado pela prefeita, que alegou falta de recursos humanos da Prefeitura para atender a exigência, e facultou o funcionamento conforme as necessidades de cada local.Para que a criança seja atendida à noite, os pais devem provar que não há nenhum reponsável para cuidar dela nesse período. Na avaliação do autor da lei, a maioria da demanda ocorre entre às 18h e 22h. "É o horário em que muitos pais trabalham e as mães estudam", explicou.De acordo com o parlamentar, a Prefeitura irá fazer um cadastro das creches que deverão ficar abertas após às 22h, e os recursos que serão necessários para garantir o atendimento. "Isso vai depender da procura em cada bairro", disse João Antonio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.