Credibilidade de Lula "está sendo corroída pelos escândalos", diz Alckmin

O candidato da coligação PSDB/PFL à Presidência da República, Geraldo Alckmin, afirmou nesta quinta-feira, 21, que credibilidade do Governo do presidente e candidato a reeleição pelo PT, Luiz Inácio Lula da Silva, está sendo corroída em função dos escândalos que assolam o País."Todas as pessoas que cometeram crimes graves foram nomeadas pelo presidente, são do time e da turminha do Lula", destacou, após conceder entrevista para a rádio CBN.Questionado sobre as declarações do presidente Lula, de que mais uma vez não tinha conhecimento deste novo escândalo, Alckmin alfinetou: "Um governante pode não saber dos detalhes, mas é difícil não saber das coisas que se passam no Governo" e continuou: "E citou o seguinte dito popular, diga-me com quem andas e eu dir-te-ei quem é". Na avaliação do presidenciável, os escândalos ocorreram porque os envolvidos julgaram que não seriam pegos.Alckmin teria ainda nesta quinta, às 13 horas, um compromisso na Fundação Abrinq, onde assina um termo de compromisso "Amigo da Criança".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.