Cresce 55% número de gays assassinados

O Relatório Anual do Grupo Gay da Bahia (GGB), que lista desde 1980 os assassinatos de homossexuais no Brasil, aponta que, em 2008, houve 55% mais crimes do gênero do que no ano anterior - 190 ante 122. Em 2007, o crescimento, na comparação com 2006, havia sido de 30%. O dado, segundo o GGB, posiciona o País como o mais homofóbico do mundo, seguido por México, que registrou 35 casos de homossexuais assassinados no ano passado. O Estado onde houve mais assassinatos de homossexuais em 2008 foi Pernambuco, com 27 casos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.