Criança morre após ser esquecida dentro de carro em GO

Mãe foi presa; laudo conclusivo sobre a morte do bebê só deverá sair dentro de 45 dias

Patricia Drumond, O Estado de S. Paulo

27 Março 2012 | 20h17

GOIÂNIA - Um bebê de 1 ano morreu nesta terça-feira, 27, em Aparecida de Goiânia, após ter sido deixado por mais de quatro horas dentro de um carro pela própria mãe, Andressa do Prado de Oliveira, de 26. A morte ocorreu no Setor Santa Luzia. Andressa está presa e será indiciada por homicídio doloso.

Em seu depoimento, a mãe da criança - grávida de 5 meses - alegou que o bebê chorava muito e ela queria dormir. "Mesmo com o filho chorando, ela o trancou no veículo e foi dormir. Está claro que a conduta dela matou a criança", disse Myrian Vidal, titular da Delegacia de Proteção à Criança e Adolescente (DPCA).

A Polícia Militar foi acionada no início da tarde. Andressa fechou o carro com o filho dentro, após o café da manhã, por volta das 9 horas, com os vidros e portas fechados, na garagem de casa. O local não tem cobertura para veículos. O laudo conclusivo sobre a morte do bebê deve sair dentro de 45 dias.

Mais conteúdo sobre:
bebêgoiâniaGoiás

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.