Criança morre baleada em Itaguaí

Laura Santos Cassiano, de 8 anos, morreu na última sexta-feira, 20, ao ser baleada no tórax e no rosto dentro de casa, em Itaguaí, no Grande Rio. Dois homens invadiram a casa da família da menina durante a madrugada, abriram a janela basculante e, em meio à escuridão, dispararam dois tiros. O alvo seria o pai da criança, o mecânico Rogério Carlos Ponciano, de 42 anos, que não se feriu. A polícia investiga o motivo do ataque. Levada para o Hospital Souza Aguiar, no centro da cidade, ela foi submetida a uma cirurgia para retirada das balas e morreu em seguida. O motorista de lotação, Adalto Neiva de Souza, de 40 anos, suspeito do crime, foi preso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.