Criança morre espancada em Belo Horizonte

Letícia Coutinho Souza, de 26 anos, suspeita de ter espancado suas duas filhas, causando a morte da mais nova, de um ano e meio, está presa na Delegacia de Homicídios de Belo Horizonte. Ela alega que quem espancou as garotas foi o seu companheiro, que ainda não foi encontrado pela polícia. Identificada como Joice Soares Firmino morreu durante a madrugada de hoje, vítima de espancamento. Segundo a Polícia Militar, a mãe levou a criança ao Hospital de Venda Nova, pouco antes da meia noite. A menina, porém, já estava morta e os médicos notaram os sinais do espancamento. A polícia foi chamada e descobriu que a família vive numa casa abandonada, na Avenida Cristiano Machado, na região norte da capital mineira. Os policiais foram para lá e encontraram uma outra menina sozinha, Jozivânia Soares Firmino, de cinco anos, que também tinha marcas de espancamento e estava em estado de choque. Ela foi levada para o hospital e continua internada.

Agencia Estado,

02 Fevereiro 2006 | 12h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.