Criciúma-SC decreta situação de emergência devido às chuvas

Foram registrados estragos em diversos bairros da cidade; houve alagamentos e escolas foram atingidas

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

28 Janeiro 2010 | 07h41

A Prefeitura de Criciúma, em Santa Catarina, decretou nesta quarta-feira, 27, situação de emergência por conta das chuvas que atingiram a região durante a tarde de ontem, provocando estragos no município.

 

Foram registrados estragos, segundo a Prefeitura, nos bairros: Linha Batista, Mineira Nova, Loteamento Meller, Vera Cruz, Buenos Aires, Próspera, Maria Céu, Santo Antônio, Centro, Paraíso, São Francisco, Vila Zuleima, Mina do Mato, Santa Luzia, Rio Maina, Boa Vista, Operária Nova, Vila Francesa, Nova Esperança, Vila Belmiro, São Defende, São Cristóvão, São José dentre outros.

 

A intensidade da chuva apontou 132 milímetros de água por hora. Ruas foram alagadas e casas destelhadas. Nos postos de saúde dos bairros São Defende, Santo Antônio, Vila Belmiro, Nova Esperança, Vila Nova e Santa Luzia houve destelhamento.

 

Nos bairros Boa Vista e Próspera houve registro de alagamentos, assim como no Atendimento Multiprofissional Especializado (AME), no PAM e no posto do bairro Francesa. Muitas escolas também foram atingidas, entre elas, Oswaldo Hülse, Fiorento Meller, Contim Portela, Marcílio Dias, Giácomo Búrigo, Filho do Mineiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.