Criminosos são presos após realizar 2 seqüestros relâmpagos

Dois criminosos, um deles identificado como Jonny Maicon Paixão dos Santos, de 19 anos, outro como Rodrigo, de 17, foram presos, por volta das 23h30 de terça-feira, após realizarem, junto com outros dois cúmplices, dois seqüestros relâmpagos na zona leste da capital paulista. Jonny e Rodrigo foram levados para o 22º Distrito Policial e transferidos para a Delegacia Anti-Seqüestro (DAS), onde foi feito o boletim de ocorrência.A dupla foi detida na Avenida São Miguel, junto ao Largo do Forró, dentro de um Fiat Uno que pertencia à primeira vítima, um técnico automotivo, de 38 anos, dominado às 21h30 na porta de sua casa, em Cidade A.E.Carvalho, quando voltava com a família de um culto evangélico. O dono do Fiat foi levado, mas liberado uma hora depois na Avenida Imperador, pois os criminosos não conseguiram sacar dinheiro nos caixas eletrônicos.Na casa de um dos bandidos que ocupavam o Fiat Uno, os policiais localizaram um Monza, que pertence a um mecânico, de 36 anos, a segunda vítima do mesmo grupo. O mecânico havia sido seqüestrado em Vila Nova Curuçá também quando chegava em casa, mas desta vez eram quatro assaltantes, que utilizaram o Fiat para abordar o mecânico e depois liberá-lo. Os dois criminosos que portavam armas seguem foragidos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.