CUT cancela marcha pela paz no Rio por falta de manifestantes

Menos de 100 pessoas compareceram nesta segunda-feira à manifestação organizado pela CUT-RJ contra os ataques dos Estados Unidos ao Afeganistão.O baixo comparecimento fez com que a entidade desistisse de realizar a Marcha pela Paz, que percorreria a Avenida Rio Branco (uma das principais vias do centro) e terminaria na Cinelândia.Em vez disso, os manifestantes limitaram-se à Candelária. O ex-deputado federal Lindbergh Farias (PSTU) discursou contra a anunciada instalação de um escritório da CIA (serviço secreto americano) em São Paulo."Somos inimigos da CIA. Não vamos aceitar isso pacificamente", afirmou. Ele promete descobrir onde ficará a agência e promover manifestações no local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.