D. Ruth vem a SP acompanhar caso de morte de caseiro

A primeira-dama Ruth Cardoso deve viajar para São Paulo, às 13h, para verificar em que situação ocorreu a morte do caseiro Joaquim Antônio da Silva, que trabalhava no sítio do presidente Fernando Henrique Cardoso, em Ibiúna, cidade no interior do Estado de São Paulo, na região de Sorocaba. Segundo informações do 40º Batalhão da Polícia Militar do Interior, Silva estava morto, a tiros, na cozinha da casa. De acordo com informações da Presidência, o presidente foi informado da morte do caseiro durante a madrugada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.