Dado Dolabella é denunciado por agressão pelo MP do Rio

Ator é acusado de ter agredido a atriz, na época sua noiva, Luana Piovani, em boate na zona sul da cidade

da Redação, estadao.com.br

18 de novembro de 2008 | 15h01

Na última sexta-feira, o Ministério Público do Rio denunciou o ator Dado Dolabella pela agressão contra a atriz, na época sua noiva, Luana Piovani. Ele havia sido indiciado pela Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) na quinta-feira, após ter brigado com a atriz numa boate do Rio no dia 23 de outubro. Dolabella é acusado pelo crime de lesão corporal, cuja pena pode chegar a 3 anos de detenção. O advogado do ator não foi encontrado até a hora da publicação desta matéria e a assessora da atriz não quis comentar sobre o caso nesta terça-feira, 18.   Segundo o MP, na ocasião Dolabella estaria alcoolizado e teria derrubado Luana com uma bofetada. O ator teria ainda segurado a atriz pelos braços, sacudindo-a, como comprovou o laudo de exame de corpo de delito feito por Luana. As agressões só cessaram após a intervenção dos seguranças e de outras pessoas, inclusive de Esmeralda de Souza, camareira de Luana, que teve o braço quebrado. Sobre este caso, o MP aguarda o laudo complementar (lesões graves) ainda não concluído.   Para o caso, além dos antecedentes criminais de Dolabella, o MP solicitou à polícia uma cópia do DVD com imagens do interior da boate, que teriam registrado o momento da agressão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.