Decretada prisão preventiva de PM acusado de estupros

O policial militar Paulo Sérgio Raimundo, de 34 anos, acusado de 21 estupros em Campinas, teve a prisão preventiva decretada pela 4ª Vara Criminal da cidade. A solicitação foi feita pela Polícia Civil, que investiga os casos. Raimundo foi reconhecido pelas vítimas, conforme a polícia. Ele está detido desde o último dia 2 no Presídio Militar Romão Gomes, em São Paulo.Por meio de inquérito administrativo, a PM analisa o caso e pode decidir pela expulsão do soldado. De acordo com a delegacia da Defesa da Mulher de Campinas, a maior parte das vítimas foi atacada na região oeste de Campinas, mas o PM também foi reconhecido como o estuprador de três adolescentes no Jardim Nova Europa, em dezembro de 2002.Durante uma busca na casa do acusado, foram encontrados um celular roubado, uma máquina fotográfica e fotos de uma das vítimas. Raimundo nega os crimes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.