Defeito em asa faz avião da Gol transferir pouso

Um Boeing da Gol que ia de Goiânia para o Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, no vôo 1751, teve de fazer pouso técnico no Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, neste domingo por causa de um problema detectado no flap (peça da asa da aeronave). Cumbica foi escolhido como a opção mais segura por ter uma pista mais extensa do que a de Congonhas. A companhia ofereceu transporte terrestre aos passageiros até Congonhas, mas devido ao atraso, alguns perderam a conexão com outros vôos. Por causa do problema, a aeronave foi obrigada a ficar uma hora e meia a mais no ar antes de pousar em Cumbica.Segundo passageiros, o vôo 1751 deveria partir do Aeroporto Internacional Santa Genoveva, na capital de Goiás, às 8h30 deste domingo. A partida, porém, só foi possível às 10h17 com previsão de aterrissagem em Congonhas às 12 horas. Mas a aeronave só conseguiu descer em Cumbica às 13h30. Após o pouso, a aeronave permaneceu em solo por cerca de 4 horas para o conserto do defeito. Depois, seguiu para Congonhas para dar continuidade aos vôos para os quais estava programada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.