Defesa civil de São Sebastião está em alerta

A Defesa Civil de São Sebastião passou este domingo de carnaval fiscalizando possíveis áreas de risco na cidade. Apesar do sol que apareceu neste sábado, o município sofreu com a chuva dos últimos dias. A situação mais critica foi a da costa sul, onde a água subiu 2 metros e 40 casas ficaram alagadas.Na Barra do Una, um carro caiu num córrego, e outros veículos foram levados pelas águas pela Avenida Magno Bitencourt. A situação também ficou crítica em Camburi, onde o nível da água, em alguns pontos, subiu também cerca de dois metros.Nas outras cidades do litoral norte, a chuva de sábado não provocou estragos materiais, apenas aguou o passeio de quem planejava começar o carnaval tomando sol. Na madrugada deste sábado, a chuva forte que caiu sobre São José dos Campos abriu um buraco de 150 metros quadrados de largura por 8 metros de altura na Avenida Salinas, zona sul da cidade.O problema, segundo o Departamento Municipal de Transporte, foi causado pela força da chuva, que provocou um deslizamento de terra sobre a pista, fazendo o asfalto ceder. A passagem foi sinalizada e interditada, e não há prazo para que o problema seja solucionado, já que até quarta-feira de manhã só estão funcionando plantões de alguns departamentos, o que não resolve a situação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.