Defesa Civil registra 53 mil afetados pelas chuvas no Paraná

Cinco municípios decretaram estado de emergência; Corbélia é o mais atingido

Julio Cesar Lima, Especial para o Estado

24 Setembro 2013 | 14h20

CURITIBA - O número de pessoas afetadas pelas chuvas de granizo e vendavais que caíram no Paraná no final de semana continua a subir. Em seu mais recente relatório, divulgado ao meio-dia desta terça-feira, 24, a Defesa Civil computou 53,8 mil pessoas. Na noite de segunda-feira, eram 47 mil pessoas afetadas.

Os municípios de Salto do Lontra e São João decretaram estado de emergência ainda na segunda-feira e foram seguidos por Verê, Corbélia e Realeza. O município mais atingido foi Corbélia (a 411 quilômetros de Curitiba), com 11.953 pessoas atingidas e um total de 2.800 residências danificadas.

Segundo o coordenador estadual da Defesa Civil, tenente-coronel Edmilson Barros, o Estado já forneceu 427 bobinas de lonas para os casos mais graves. Até o início da tarde não havia sido notificada nenhuma morte, apenas 46 feridos, sendo que a maioria delas era de moradores que caíram do telhado ao tentar resolver os problemas de destelhamento provocado pelos ventos.

Mais conteúdo sobre:
ChuvaParaná

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.