Defesa de SC recebe doações para ajudar vítimas das chuvas

Órgão vai comprar mantimentos; abastecimento de água e coleta de lixo em Blumenau continuam suspensos

Solange Spigliatti, do estadao.com.br, e Redação,

25 de novembro de 2008 | 12h14

A Defesa Civil de Santa Catarina abriu duas contas bancárias para receber depósitos para ajudar as pessoas atingidas pelas fortes chuvas que caíram no Estado. Os interessados em contribuir podem depositar qualquer quantia nas contas do órgão no Banco do Brasil ou Besc. Nesta terça, uma conta foi aberta pelo Banco Bradesco para arrecadar fundos para as vítimas das chuvas no Estado. Todo dinheiro arrecado será utilizado para compra de mantimentos para os desalojados, de acordo com a Defesa Civil de Santa Catarina e com o banco.   Veja também: SC já tem 54 mil desabrigados e 72 mortos pelas chuvas Defesa Civil alerta para temporais em sete estados, inclusive SC Chuva deixa 137 mil residências sem luz em Santa Catarina Cerca de 30 estradas em SC têm bloqueios por conta da chuva 'Em menos de 1 minuto, eu perdi as duas', diz pai Tragédia em Santa Catarina  Veja galeria de fotos dos estragos em SC    Quem quiser fazer doações pode depositar a quantia desejada nas contas do Banco do Brasil (agência 3582-3, na conta corrente 80.000-7) e do Besc (agência 068-0, na conta corrente 80.000-0). Os depósitos devem ser feitos para o Fundo Estadual da Defesa Civil, CNPJ - 04.426.883/0001-57. Na conta do Bradesco, o depósito deve ser feito na agência 348-4, conta corrente 160.000-1, também em nome do Fundo Estadual da Defesa Civil.   Segundo informações do blog criado para ajudar moradores afetados em Blumenau, a Defesa distribui nesta terça mais de 15 mil medicamentos enviado pelo Ministério da Saúde. Entre eles, 34 tipos de remédios e insumos, como ataduras, seringas, luvas e esparadrapo.   A Defesa informa que nesta manhã quatro helicópteros estão auxiliando as pessoas que ainda se encontram isoladas na região. As aeronaves estão atendendo na região de Ilhota, Morro do Baú, Alto Serafim, Posto de Saúde do Bairro Progresso e rua Bruno Schreiber, ainda segundo informações do blog.   Água e coleta de lixo   Segundo a Prefeitura de Blumenau, toda a produção e distribuição de água pela rede pública continuam suspensos nesta terça. As prioridades para abastecimento com pipas, segundo comunicado, são hospitais, equipe de socorro e apoio, abrigos e a população por meio dos abrigos. Segundo a nota, serão distribuídos cinco litros por pessoa nos abrigos e a população deve levar recipientes.   De acordo com a prefeitura, ainda não foi possível restabelecer a coleta de lixo na cidade e, por enquanto, serão coletados somente o lixo dos hospitais e abrigos.   Texto alterado às 16h06 para acréscimo de informações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.