AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Defesa tenta anular julgamento de juiz que matou vigia

Os advogados do juiz Pedro Pecy Barbosa entraram com dois recursos, no Superior Tribunal de Justiça e no Supremo Tribunal Federal (STF), pedindo a anulação do julgamento, em setembro de 2005. Barbosa foi condenado pelo Tribunal de Justiça do Ceará a 15 anos de prisão pelo assassinato do vigilante José Renato Coelho Rodrigues. O crime aconteceu em 27 de fevereiro do ano passado, em um supermercado em Sobral, a 230 quilômetros de Fortaleza, onde a vítima trabalhava. A cena foi registrada pelo circuito interno de TV do supermercado. De acordo com um dos advogados de Barbosa, Josué Lima, a anulação foi pedida porque a pena de 15 anos teria sido muito alta. Não há previsão para o julgamento dos recursos. A defesa alega ainda que as questões de sanidade mental, da perícia nas imagens e da arma usada no crime não foram julgadas pelo TJ-CE, embora tenham sido, previamente, solicitadas pelos advogados do réu.

Agencia Estado,

04 de maio de 2006 | 17h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.