Deficiente morre carbonizada dentro de casa em SP

Policiais investigam se incêndio, ocorrido em bairro da zona sul, foi criminoso

Agencia Estado

21 de junho de 2007 | 13h04

Uma mulher morreu na última quarta-feira, 20, em um incêndio na Avenida João Paulo Barreto, no Parque Grajaú. Investigadores do 101º Distrito Policial, do Jardim das Embuias, na zona sul da capital paulista, tentam esclarecer a morte da deficiente física, cujo corpo foi encontrado carbonizado.Os vizinhos acionaram os Bombeiros, mas conseguiram apagar um incêndio que teve início por volta das 22h30. Ao chegarem no local, os policiais encontraram Maria das Graças da Conceição, de 33 anos, morta sobre a cama. O quarto estava completamente destruído pelo fogo, de origem ainda misteriosa, mas a polícia acredita em incêndio criminoso.Outras quatro pessoas, que foram vítimas de intoxicação por ajudarem a debelar as chamas, foram atendidas por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O caso foi registrado pelo delegado Artur Alves Nogueira Jr. como homicídio a esclarecer. Aparentemente nada foi levado da casa, onde a vítima morava sozinha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.