Delegado acusado de corrupção depõe em fórum de SP

O ex-presidente da Associação dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo André Di Rissio prestou depoimento na terça-feira na 25ª Vara Criminal do Fórum da Barra Funda, na zona oeste da capital paulista. Ele responde a processo na Justiça Federal e no Tribunal de Justiça de São Paulo acusado de corrupção. Segundo a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça, a sessão foi presidida pelo juiz auxiliar Waldir Calciolari. Di Rissio foi ouvido pelos promotores do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), órgão do Ministério Público. O delegado responde pelos crimes de corrupção ativa e advocacia administrativa - patrocínio a interesse privado junto à administração pública. De acordo ainda com a assessoria do TJ, como o processo corre em segredo de justiça, não foram divulgadas informações sobre o depoimento. As acusações contra o delegado foram baseadas em depoimentos, investigações e escutas telefônicas. Em uma das ligações, Di Rissio solicita que a operação policial que seria desencadeada numa casa noturna em Pinheiros seja cancelada.

Agencia Estado,

28 Fevereiro 2007 | 12h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.