Delegado de AL premia denúncia com cesta básica

o delegado regional de São Miguel dos Campos, Antônio Carlos de Azevedo Lessa, que atuou no caso PC Farias, encontrou uma forma inusitada para combater a criminalidade no seu município, a 60 km de Maceió. Ele está dando uma cesta básica para quem fornecer informações sobre crimes no município.O disque-denúncia (271-1805) foi implantado esta semana. As denúncias também podem ser feitas por cartas ou bilhetes, através dos Correios ou colocadas em caixas de coleta. "Quem ligar ou escrever para a delegacia, colaborando com o nosso trabalho de investigação, recebe uma senha e se a denúncia resultar na abertura de inquérito ganha uma cesta de alimentos, que será entregue onde e quando o denunciante quiser", explica Lessa.Até o início da tarde desta quinta-feira nenhuma cesta básica havia sido entregue, mas várias denúncias chegaram à delegacia. Os alimentos serão doados por um supermercado.A iniciativa de Lessa interessou o Estado, que pode adotar a campanha em outras delegacias. "O secretário estadual de Defesa Social, Robervaldo Davino, gostou da idéia e disse que vai estudar a possibilidade de implantar o sistema nos maiores municípios de Alagoas", revelou o delegado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.