Delta Air Lines terá participação minoritária na Gol

A Gol anunciou nesta quarta-feira uma aliança estratégica com a Delta Air Lines, na qual a companhia aérea norte-americana fará um investimento de 100 milhões de dólares na empresa brasileira.

REUTERS

07 de dezembro de 2011 | 09h55

O investimento "dará uma participação minoritária estratégica" à Delta na Gol. A companhia norte-americana vai investir o montante em troca de recibos de ações (ADSs) lastreados em papéis preferenciais da Gol que serão emitidos a um preço médio de 22 reais papel, informou a companhia brasileira em comunicado ao mercado.

As ações da Gol encerraram na terça-feira cotadas a 14,96 reais. Com isso, o ágio que está sendo pago pela Delta é de 47 por cento.

O aumento de capital será de aproximadamente 280 milhões de reais, incluindo direito de subscrição dos demais acionistas da empresa aérea.

Com o investimento, a Delta poderá ter um representante no Conselho de Administração da Gol, "desde que, entre outras condições, ele mantenha uma posição de pelo menos 50 por cento das ADSs adquiridas no investimento da Gol", afirmou a companhia brasileira.

O acordo acontece em meio à fusão da rival TAM com a chilena LAN, que deverá criar a maior companhia aérea da América Latina.

Com a aliança, Delta e Gol vão ampliar acordos de compartilhamento de voos, "permitindo à Delta colocar seu código em mais voos Gol no Brasil, Caribe e América do Sul, e à Gol colocar seu código em serviços Delta entre Brasil e Estados Unidos, e a partir dos Estados Unidos para outros destinos".

Segundo a Gol, a parceria não implicará na adesão da empresa a uma aliança global de companhias aéreas.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Mais conteúdo sobre:
AEREASGOLDELTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.