Demanda por transporte aéreo no Brasil cresce 16,8% em outubro

O tráfego aéreo de passageiros no Brasil em outubro cresceu 16,8 por cento na comparação anual, num ritmo menor que o verificado em setembro, afirmou nesta quinta-feira a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

REUTERS

11 Novembro 2010 | 15h36

No ano até o mês passado, a demanda acumula salto de 25 por cento, depois de ter avançado até setembro a um ritmo 27,4 por cento até setembro.

Enquanto isso, a oferta de assentos em outubro, apresentou alta de 17,9 por cento sobre o mesmo mês de 2009, mesmo percentual da expansão no acumulado de 2010.

Com isso, a ocupação nos voos domésticos teve pequena variação, de 72 por cento em outubro de 2009 para 71,4 por cento em outubro deste ano.

As principais empresas aéreas do país voltaram a perder participação de mercado, enquanto as de menor porte avançaram. "As demais companhias (excluídas TAM e Gol) detêm 18 por cento do mercado brasileiro de transporte aéreo, há uma década, a participação das companhias menores não chegava a 10 por cento", afirmou a Anac em comunicado.

A TAM encerrou outubro com participação de 42,83 por cento, ante 44,84 por cento um ano antes.

Enquanto isso, a Gol viu sua fatia no mercado encolher de 41,72 por cento em outubro de 2009 para 39,15 por cento no mês passado.

Já a terceira maior empresa aérea do país em outubro, Azul, viu sua participação crescer de 4,22 por cento um ano atrás para 6,73 por cento.

A WebJet ficou com participação de 5,60 por cento no mês passado ante 4,43 por cento em outubro de 2009. A Avianca (antiga OceanAir) evoluiu mais discretamente, passando de 2,26 para 2,52 por cento. A Trip teve alta de 1,73 para 2,25 por cento no período.

No mercado internacional, a demanda por voos para o exterior em outubro cresceu 25 por cento na comparação anual e 21,3 por cento no acumulado do ano até o mês passado. A participação da TAM em outubro caiu de 90,01 por cento um ano antes para 87,12 por cento e a da Gol cresceu de 9,96 para 12,84 por cento.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Mais conteúdo sobre:
AEREASANACOUTUBRO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.