Denise pede à PF que investigue dossiê

A ex-diretora da Anac Denise Abreu pediu anteontem à Polícia Federal que investigue um dossiê contendo denúncias contra ela. Os documentos chegaram pelo correio, na semana passada, à casa dela. No dossiê, estão dados sobre contas no Uruguai e movimentações bancárias e de cartões de crédito, que poderiam sugerir evasão de divisas. A assessoria da ex-diretora afirma que as informações são falsas e que Denise nunca teve contas no exterior.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.