Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Deputado quer criar ?dia do cachorro? no Rio

O deputado estadual Antonio Pedregal (PT do B) é autor do projeto de lei 216/2003, que institui oficialmente, em todo o território fluminense, "O Dia do Cachorro - O Melhor Amigo do Homem". A data escolhida é 4 de outubro, quando os católicos reverenciam São Francisco de Assis, considerado o santo protetor dos animais. Pela proposta do parlamentar, a homenagem aos canídeos, se aprovada pelo plenário da Assembléia Legislativa e sancionada pela governadora Rosinha Garotinho (PSB), passará a integrar o calendário oficial do Estado."O importante é o ser humano, não o animal", disse o parlamentar, que é dono de um casal de rottweilers (Ursus e Sara) e de um yorkshire (David), mas garantiu que fez a proposta por sugestão da Sociedade União Internacional Protetora dos Animais (Suipa) e de organizações não-governamentais. Contraditoriamente, apesar da data escolhida, Pedregal é evangélico.Pedregal reconheceu que a proposição é polêmica, mas não demonstrou medo de críticas ou piadas e a defendeu, afirmando que todo dia cerca de 80 a 100 cães são abandonados na Suipa. Lembrou ainda estar preocupado com doenças transmitidas pelos animais, como a raiva, e com seu uso como cobaias por empresas. "É um negócio brutal", declarou. Ele destacou também que o cão é a imagem do dono. "Quem entrar na minha casa, vai ver dois rottweilers super dóceis", disse. ?O bravo é o pequeno, o yorkshire."A socialite Vera Loyola, famosa por ter realizado uma grande festa para sua cadela Pepezinha, gostou da novidade. "Já que no Brasil tem dia para tudo, por que não um dia do cão? É uma forma de demonstrar respeito ao animal", disse, lembrando que a data não deve ser transformada em piada. "Se fosse transformado em feriado, aí seria gozação. Mas acho justo homenagear. O cachorro é fiel e verdadeiro, não vê nossa conta bancária e está sempre do nosso lado."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.