Deputado Russomano se envolve em briga

Uma discussão no interior de uma pizzaria, em Vila Nova Conceição, zona Sul da capital paulista, entre o deputado federal Celso Russomano (PPB-SP), sua esposa, Louvari Neoland Russomano, 26, e o ex-presidiário Fábio de Campos Padilha, teminou no 15º Distrito Policial, do Itaim Bibi, por volta das 22h30 da noite de ontem. O deputado e a esposa dele, que está grávida de 7 meses, estavam na Pizzaria Moteverde, localizada na Avenida Juscelino Kubitscheck, quando começaram a ser importunados por Fábio, que insistia em paquerar Louvari. O deputado identificou-se como tal e ameaçou chamar a polícia. O rapaz foi na direção de Russomano e o agrediu no rosto. Policiais militares da 3ª Companhia do 23º Batalhão foram acionados pelo próprio deputado e todos foram parar na delegacia do Itaim Bibi.Na delegacia, a ficha criminal de Fábio foi averiguada e a polícia descobriu que ele já tinha passagens por vários crimes e que chegou a cumprir pena no presídio de Jordanópolis, no interior de São Paulo, de onde fugiu em 1996. Recapturado, Fábio terminou a pena no Presídio de Presidente Bernardes, de onde foi solto em maio deste ano, após um ano e dois meses de reclusão.Um garçom da pizzaria disse que Fábio, que inicialmente se identificou como filho do ex-ministro dos Transportes, Eliseu Padilha, tomou na mesma noite seis copos de Vodka, com dose dupla, misturada com frutas e leite condensados, bebiba conhecica como "capeta´. No 15º Distrito Policial, acabou não sendo feito boletim de ocorrência, apenas um termo circusntanciado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.