Desabamento de prédio ameaça construções vizinhas

O desabamento do prédio de quatro andares no centro do Rio já ameaça construções vizinhas. O Corpo de Bombeiros isolou o local e desviou o trânsito. O edifício de número 61 da rua 1º de Março, vizinho imediato ao local, foi evacuado porque, segundo os bombeiros, existe risco de novo desabamento. O prédio, que desabou às 15h20, estava localizado na região central do Rio de Janeiro, onde estão várias outras construções tombadas pelo Patrimônio Histórico. Era um prédio de cinco andares e lá funcionava um hotel que estava em obras, um chaveiro e um restaurante no piso térreo.O Corpo de Bombeiros confirmou que existem pessoas soterradas. Além das pessoas que estavam no prédio (freqüentadores do restaurante e operários na obra do hotel), também foram atingidos pedestres que passavam pelo local. Ainda não existem informações sobre o número exato de vítimas. As primeiras informações indicam que havia pelo menos 20 pessoas no restaurante na hora do desabamento. Durante alguns minutos, os bombeiros suspenderam as buscas, porque ouviram um ruído que poderia indicar novo desabamento - mas os trabalhos foram retomados depois.Veja galeria de fotos e mapa do local

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.