Descoberto no Recife túnel com carga e veículos roubados

A polícia iniciou hoje a retirada dos veículos e cargas escondidos em um túnel descoberto no Engenho Cabeça de Negro, no município de Primavera, na zona da mata sul, a cerca de 100 quilômetros do Recife. O túnel, escavado numa barreira, tinha cerca de 200 metros de comprimento e cinco metros de largura e servia de esconderijo para cargas e veículos roubados. Nele estavam um caminhão Scania da transportadora Rapidão Cometa, com placa de Ponta Grossa, Paraná; um cavalo Scania com placa de São José do Rio Pardo, São Paulo, e um caminhão-baú, sem placa, da rede de lojas Insinuante. As cargas incluíam materiais médico-odontológicos, roupas, sapatos, peças de reposição da marca Honda. Ao lado do túnel, a polícia também apreendeu, em uma casa abandonada, uma caminhonete Dakota, que deveria ser usada nos assaltos, e munição de espingarda 12 e pistolas 9 e 45 milímetros, além de documentos de quatro veículos registrados no Paraná. O delegado de Roubos e Veículos Valcí Martins, acredita que o túnel foi feito por uma quadrilha responsável por grande parte dos roubos de carga do Estado e suspeita que haja conexão entre os criminosos que fizeram túneis semelhantes na Paraíba e Bahia. A polícia localizou o túnel ontem, a partir de denúncia anônima feita por telefone de Caruaru, no agreste.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.