Descoberto trecho final de túnel do PCC em Porto Alegre

Funcionários da prefeitura de Porto Alegre descobriram na madrugada desta quarta-feira, 6, o trecho final do túnel que membros do Primeiro Comando da Capital (PCC) estavam cavando em direção a agências do Banco do Estado do Rio Grande do Sul e Caixa Econômica Federal no centro de Porto Alegre. O plano da facção criminosa foi desarticulado no dia 1º de setembro, quando a Polícia Federal (PF) prendeu 26 pessoas na capital gaúcha.Desta vez, os operários do Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae) encontraram o buraco quando faziam serviços de manutenção na rede de água e esgoto. A área ficou isolada durante toda a manhã para inspeção.A perícia da PF constatou que não estava diante de um segundo túnel ou de outro plano de assalto aos bancos, mas de um trecho não identificado à época da descoberta da escavação, exatamente o final, de 12 metros, que passava sob a rua Caldas Júnior e dava na parede subterrânea do Banrisul. A PF já autorizou a prefeitura a tapar o buraco, assim como havia feito com os outros 80 metros em setembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.