Detentas se rebelam na Penitenciária Feminina de SP

Parte das 650 detentas da Penitenciária Feminina da capital estão rebeladas desde às 13h15 desta tarde e mantêm duas funcionárias reféns. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária, as presas não voltaram para as celas depois do banho de sol. A direção do presídio tenta estabelecer um diálogo com as rebeladas. O presídio tem capacidade para abrigar apenas 450 pessoas. O presídio está localizado na Avenida Zaki Narchi, na altura do número 1.360, na zona Norte da cidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.