Detido acusado de atuar com pai de Eloá

A Polícia Federal e a Secretaria de Defesa Social de Alagoas apresentaram ontem o soldado da Polícia Militar Manoel Bernardo de Lima Filho. Ele estava foragido havia mais de 18 anos e foi preso na sexta-feira, em São Paulo. Manoel Bernardo é acusado de pelo menos três crimes, além de ser suspeito de integrar, com o cabo Everaldo Pereira dos Santos (pai da adolescente Eloá Pimentel), um grupo de extermínio que atuava em Alagoas na década de 90.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.