Dez presos são mortos no Vale do Paraíba e litoral

Dez presos foram mortos nas rebeliões em unidades do Vale do Paraíba e Litoral Norte de São Paulo, desde sexta-feira. Em São Sebastião oito detentos foram assassinados na cadeia pública, onde uma rebelião foi deflagrada na manhã deste domingo. Outros oito foram levados com queimaduras ao Pronto Socorro local.Por volta das 16 horas a direção da cadeia tentava negociar o fim do motim e a liberação do carcereiro, o único refém.Neste mesmo horário uma tropa de 120 homens se preparava para entrar no CDP do bairro do Potim, em São José dos Campos, onde o movimento já teria sido controlado. Segundo o Coronel Claudio Longo, que comanda a operação no local, a polícia faria uma vistoria na cadeia a fim de retirar possíveis armas em poder dos presos.Em Taubaté, no CDP1, segundo a Polícia Militar, morreram dois presos e os familiares que estavam feitos reféns foram liberados por volta das 15 horas, dando sinal de uma possível trégua e normalização da situação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.