Diretor da Porto da Pedra tem princípio de enfarte

O diretor de carnaval da Porto da Pedra, Carlos de Castro, teve um princípio de enfarte na concentração da escola, a primeira a desfilar na segunda noite do Grupo Especial do carnaval carioca na Marquês de Sapucaí. Ele foi levado para o hospital Souza Aguiar, onde foi atendido. ?Ele está bem, tirou os aparelhos, voltou para a avenida e vai desfilar?, disse o presidente da escola, Uberland Jorge de Oliveira. A escola apresenta enredo sobre o apartheid e virá com todos os oitos carros com movimento.

Agencia Estado,

19 Fevereiro 2007 | 21h03

Mais conteúdo sobre:
carnaval carnaval 2007

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.