Diretor do CDP de Americana é afastado após fuga de presos

O diretor do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Americana, no interior de São Paulo, Cristiano Grigio, foi afastado de seu cargo após a fuga de 21 presos, ocorrida terça-feira, 05. O diretor foi substituído interinamente. De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), nesta sexta-feira, 08, policiais fizeram uma revista no local e apreenderam 22 espetos, oito telefones celulares e três carregadores de bateria, uma broca e uma serra. Dos 21 presos que fugiram na terça-feira, apenas dois foram recapturados. O CDP tem capacidade para 576 detentos, mas abriga 1.235.

Agencia Estado,

08 de setembro de 2006 | 20h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.